A chegada do Outono e Aumento das Doenças Respiratórias. | Diário do Diabetes
Bem Estar Dia a dia Diabetes

A chegada do Outono e Aumento das Doenças Respiratórias.

Como acontece todos os anos, com a chegada do outono, a umidade do ar cai drasticamente e consequentemente aumentam os casos de doenças respiratórias.Essas doenças, como gripe e pneumonia atingem todas as faixas etárias, mas há uma preocupação muito grande com os idosos, pois os riscos aumentam após os 60 anos, quando o sistema imunológico começa a envelhecer e faz com o que organismo perca sua capacidade de usar suas defesas naturais para responder aos agentes agressores.

A sobrecarga do sistema imunológico pode ser agravada ainda mais quando o indivíduo apresenta um quadro de doença crônica como o diabetes, doenças cardíacas, pulmonares e outras.

É importante, principalmente este grupo, redobrar os cuidados nesta época do ano, evitando lugares muito fechados, o que facilita a circulação dos vírus, e ressaltamos também a importância da vacinação contra o vírus Influenza (da gripe), com a aplicação das vacinas o número de internações e mortalidade diminui significativamente, além de proporcionar mais qualidade de vida no dia a dia das pessoas.

Medidas preventivas sempre são ótimas aliadas no controle das doenças e sintomas, listamos algumas;

  • Reduzir a ingestão de álcool e deixar de fumar.
  • Cuidar da saúde bucal.
  • Praticar atividades físicas regularmente é importante, tanto pela ação anti-inflamatória no organismo como por fortalecer a musculatura torácica.
  • Uma alimentação saudável vai favorecer essa musculatura e também o sistema imunológico.
  • Manter as doenças crônicas (como diabetes e cardiopatias) sob controle é outra recomendação importante.
  • No caso específico de pessoas com dificuldade de deglutição, é necessário aumentar os cuidados em relação à aspiração de alimentos.
  • Para reduzir os efeitos da baixa umidade, são indicados ainda o aumento da ingestão de líquidos e o uso de umidificadores.

Fique sempre atento aos sintomas e caso seja necessário, procure um médico.

Deixar um Comentário